Secretarias de Educação e Assistência Social iniciam projeto de prevenção à violência sexual contra crianças e adolescentes

image

A prefeitura de Jales, por meios das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Educação, deu início na terça-feira, dia 6 de novembro, a um Projeto de Intervenção que tem como objetivo a prevenção da violência e abuso sexual contra crianças e adolescentes. Os recursos utilizados no custeio da ação são provenientes do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado à Família e Indivíduos (PAEFI), ofertado no Centro de Referência Especializada de Assistência Social.

O projeto é direcionado a professores, alunos e famílias inseridas da rede municipal de ensino e vai acontecer em quatro etapas. Na primeira delas, acontece a apresentação da peça teatral “Meu quarto, minha inocência”, para os alunos do primeiro ao quinto ano da rede. O evento acontece no Centro Cultural Dr. Edílio Ridolfo, o Teatro Municipal de Jales. “A peça será apresentada para nossos alunos em cinco datas: 6, 8, 9, 12 e 14 de novembro. É um assunto delicado e exige cuidado e preparo para ser abordado, principalmente quando o público alvo é de crianças, mas a peça teatral tem todo esse cuidado e toca no assunto de forma cautelosa, levando informação e conhecimento a quem assiste”, ressaltou a secretária de Educação, Lourdes Marcondes Rezende.

A segunda etapa prevê a apresentação do espetáculo para pais e responsáveis dos alunos inseridos na Rede Municipal de Ensino. Para eles, as apresentações serão nos dias 12 e 14 de novembro, às 19h30.

A secretária municipal de Assistência Social, Luana Lourenço da Silva, contou que a terceira etapa vai contar com reuniões entre os profissionais da rede municipal de ensino para discussão do fluxo de atendimento de crianças e adolescentes vítimas de violência. “A quarta e vai consistir em um bate papo com as famílias das crianças inseridas na rede”.

O elenco da peça fez questão de enfatizar que “Meu quarto, minha inocência”, tem o objetivo de colaborar no combate ao Abuso e Exploração Sexual Infantil “e busca tratar o tema com leveza, de forma lúdica sem ferir a profundidade que o assunto necessita. É um espetáculo onde um palhaço transita entre o mundo de uma criança que vive com medo e com a incerteza de ter sofrido abuso ou exploração sexual. A peça tem importância significativa aos professores e profissionais da educação em geral, porque mostra de forma lúdica como identificar os sinais de abuso que a criança traz consigo quando está na condição de vítima”, finalizaram os atores.

Fale conosco

Obrigado por entrar em contato com a gente :)

Informe um nome

Informe um Email válido

A mensagem não pode ser vazia