A EMEI Professora Aparecido Tadeu Rodrigues Estanislau, localizada no bairro Jardim Aeroporto, de 15 a 18 de maio, recebeu pais e responsáveis por seus alunos para visitar a exposição de cartazes sobre o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, que é celebrado anualmente no dia 18 de maio.

A escolha da data 18 de maio se deu em memória do “Caso Araceli”, um crime que chocou o país na época. Araceli Crespo era uma menina de apenas 8 anos, que foi violada e violentamente assassinada em 18 de maio de 1973. A EMEI elaborou cartazes contando toda a história do caso de Araceli e também promoveu explicações para os visitantes.

De acordo com a coordenadora Idenir Rodia Lopes, a mobilização tem o objetivo de chamar atenção dos pais acerca da violência contra crianças e adolescentes, com a finalidade de evitar que esse tipo de abuso e exploração aconteça.

Estiveram presentes para prestigiar a ação, além de os familiares dos alunos, a secretária de Educação, Lourdes Marcondes Resende e os conselheiros tutelares Teresinha Scarin e Domingos Aparecido Pedro.

A coordenadora informa, ainda, que pretendem realizar esse tipo de mobilização todos os anos para mostrar o quão sério é este assunto. “Este é o segundo ano consecutivo que fazemos esse tipo de intervenção, o ano passado foi realizada uma palestra, porém este ano fizemos algo maior, para que este assunto tão importante seja levado a todos”, finalizou Idenir.