O Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Jales é um órgão vinculado ao gabinete da Prefeitura Municipal de Jales que tem por finalidade propor ações de promoção social, visando sempre ajudar as pessoas em vulnerabilidade social. E nesse sentido, a solidariedade, o amor, o carinho, a atenção, o afeto, a mão estendida, o sorriso no rosto e o prazer em apresentar soluções para os problemas, se fazem presentes.

De janeiro deste ano até hoje, o Fundo Social, presidido pela primeira-dama, Glauciane Pontes Helena Franco, já atendeu mais de 600 pessoas em situações críticas de vulnerabilidade social, por meio de campanhas, como a do Agasalho, ou por meio de atendimento diário às famílias carentes que procuram por ajuda. Além desse trabalho, o Fundo Social também tem projetos de apoio às gestantes, com as entregas de enxovais, promoção de cursos e capacitações.

Neste ano, um dos casos mais tocantes para a equipe do FSS foi o de Maria Alexandra D’ Andreia, que chegou há um mês no Fundo Social a procura de doação de roupas. “Eu estava muito deprimida, perdendo a minha casa, desempregada e ainda tinha um neto para cuidar, meu desespero era enorme”, relatou.

Segundo Maria Alexandra, é nítida a transformação em sua vida após o apoio do Fundo Social de Solidariedade de Jales. “Recebi ajuda desde o primeiro momento e até hoje continuo recebendo. O Fundo faz um trabalho lindo que muitos jalesenses não sabem, mas que muda muito a vida das pessoas. Agora eu estou com um emprego, tenho roupas e alimentação, já fiz um dos cursos e pretendo fazer outros para ter uma renda extra”.

Quem fez o primeiro atendimento à Dona Maria Alexandra no FSS foi a funcionária efetiva e chefe de setor da Prefeitura, Aparecida Rosana Negrão, que trabalha diretamente com os atendimentos assistenciais realizado pelo Fundo. “Este trabalho se deve graças ao envolvimento constante da primeira-dama, Glauciane Franco e do apoio do prefeito Flá, que abriu este espaço para ajudarmos este lado social. São pessoas humanas, preocupadas com as carências dos outros e estão sempre prontos para ajudar”, afirma Rosana.

Segundo a primeira-dama e presidente do Fundo Social, Glauciane, o Fundo Social, além de oferecer as oportunidades de melhoria de renda familiar, em forma de capacitações e cursos, que já beneficiaram mais de 1300 pessoas em 2017 e mais de 1700 este ano, também tem outra importante missão: socorrer as famílias que estão vivendo situações críticas, procurando atender de forma emergencial e dando apoio e direcionamentos para que elas possam sair o quanto antes dessas situações. “É gratificante ver que as pessoas podem mudar de vida com a nossa ajuda, através de cursos e doações”, finalizou Glauciane.